Gastão Vieira

A minha admiração pela Confederação Nacional do Comércio é antiga, por ser uma entidade fundamental na formação e na qualificação dos trabalhadores das áreas de comércio e serviços. Minha ligação com a CNC começou ainda nos tempos em que o Brasil engatinhava na proteção do trabalhador e se fortaleceu durante os meus mandatos como Deputado Federal. Como presidente da Comissão de Educação, da Câmara dos Deputados, pude contar com a parceria da CNC na produção e na distribuição da maior coleção de livros, sobre todos os aspectos da educação, já publicada neste país. Foi com o apoio da Confederação Nacional do Comércio que também realizamos vários seminários internacionais para discutir a alfabetização infantil, e tantos outros temas voltados para a melhoria da educação no Brasil, uma iniciativa inédita que rendeu bons resultados. Quando Ministro do Turismo, tive o desafio de formar mais de 200 mil trabalhadores para atuar nas ações voltadas para a Copa do Mundo de 2014. E foi, mais uma vez, na CNC que encontrei o apoio necessário para dar noções básicas, mas importantíssimas, de inglês e espanhol para milhares de trabalhadores brasileiros, que atuaram com grande sucesso na Copa do Mundo. Portanto, nesses 78 anos de história, quero mais uma vez agradecer à Confederação Nacional do Comércio por valorizar e, principalmente, acreditar no trabalhador brasileiro.

Scroll to Top